BLOG

Os seis pilares do coaching.

Um dos principais objetivos dos Programas de Coaching é promover o empowerment do coachee (cliente ou beneficiário do programa) e, para traduzir empowerment criou-se o neologismo “empoderamento”. É sobre as condições para que ele aconteça que tratarei aqui.

Empowerment tem a ver com o aumento de autonomia conquistada ou adquirida através do autoconhecimento, da aquisição de habilidades e comportamentos específicos e, por fim da elevação da autoestima. Não é, portanto, uma capacidade que possa ser delegada ou atribuída por terceiros, ainda que alguns “chefes” acreditem que sim.

Para que o Programa de Coaching dê os resultados esperados é preciso que seis condições estejam presentes, se não no ato das sessões, pelo menos durante o período de duração do programa. São eles:

1- Objetivos e metas – Sem objetivos claros e definidos não é possível saber que competências e habilidades deverão ser desenvolvidas ou adquiridas, não dá pra fazer um plano de ação e não dá para medir resultado, portanto não é um Programa de Coaching.

2- Autoestima elevada – Para qualquer meta ou objetivo que se estabeleça, é necessário que a primeira pessoa a acreditar na sua viabilidade seja o próprio coachee. De nada adianta o mundo inteiro acreditar em uma pessoa se ela mesma não acreditar em si, portanto, autoestima elevada e confiança na própria capacidade de realização são essenciais e devem ser os primeiros aspectos a serem trabalhados pelo profissional de coaching.

3- Reputação – O caso da reputação é praticamente o inverso do citado acima. Reputação tem a ver com o modo como as outras pessoas nos veem, como elas nos percebem como profissionais, cidadãos, colegas, etc. Pouco importa se nos sentimos plenamente confiantes no nosso próprio potencial se isso não for reconhecido pelo mercado. O coach deve sugerir ações que meça, melhore ou consolide a boa reputação do seu coachee.

4- Ação positiva – Agir firme e positivamente é condição inegociável para o sucesso de um Programa de Coaching que pode ser aferido pelo cumprimento dos objetivos e metas estabelecidos pelo coachee. É importante saber que coaching não é um curso ou programa de capacitação, trata-se de um programa de desenvolvimento humano que decorre de um processo de mudança. Todos os insights, aprendizados e habilidades adquiridos pelo coachee devem ser postos em prática ainda durante o Programa de Coaching. Todo novo conhecimento deve ser agregado a novos comportamentos.

5- Coragem – Enfrentar seus medos… Esse é um dos maiores desafios daqueles que se propõem a mudar. A iniciativa de procurar (ou aceitar) um Programa de Coaching é por si só, um ato de coragem, mas é insuficiente para que se quebre as barreiras ou limites que muitas vezes as pessoas se impõem. É papel do coach contribuir para que o coachee identifique e supere os temores que limitam suas ações, influenciam nas suas decisões e, por consequência, impeçam o seu sucesso.

6- Alianças produtivas – É dito e sabido que ninguém chega ao sucesso sozinho, ou que sozinho é no mínimo mais difícil e doloroso, então é necessário que, uma vez estabelecidos os objetivos, metas e as competências a serem desenvolvidas no processo de coaching, alianças estratégicas sejam firmadas de forma a auxiliar o coachee no seu desenvolvimento, mas que proporcione benefícios também para os outros que compuserem a aliança. Identificar essas pessoas é simples, basicamente sai da resposta à pergunta: quem pode me ajudar nesse processo? Se identificar as pessoas não é difícil, a abordagem a ser feita exige um pouco mais de cuidado, ela precisa ser clara, com toda a intenção perfeitamente comunicada e acordada entre as partes. Dessa forma é possível conseguir um mentor, um parceiro de projeto ou simplesmente um “ouvido” que auxilie o coachee na ordenação de suas ideias e na clarificação dos seus próximos passos.

Apesar dos seis passos acima poderem ser realizados por qualquer pessoa que esteja em busca de mudança significativa na vida, o processo é muito mais efetivo com auxílio profissional. Para saber mais, entre em contato conosco inserindo seu e-mail aqui.

Luiz Eduardo Neves Loureiro

Gostou do post? Quer continuar acompanhando nosso blog? Siga nossa fan page no Facebook.

4winners Análises e Soluções Empresariais